sábado, 20 de dezembro de 2008

“Canção dos Homens” (do livro “Pensar é transgredir” - Editora Record).


ps1.: Confesso que ao terminar de ler chorei...


CANÇÃO DOS HOMENS


Que quando chego do trabalho ela largue por um instante o que estiver fazendo - filho, panela ou computador - e venha me dar um beijo como os de antigamente.


Que quando nos sentarmos à mesa para jantar ela não desfie a ladainha dos seus dissabores domésticos. E se for uma profissional, que divida comigo o tempo de comentarmos nosso dia.(…)


Que ela não me humilhe porque estou ficando calvo ou barrigudo, nem comente nossa intimidade com as amigas, como tantas mulheres fazem.


Que quando conto uma piada para ela ou na frente de outros, ela não faça um gesto de enfado dizendo “Essa você já contou umas mil vezes!”


Que ela consiga perceber quando estou preocupado com trabalho, e seja realmente carinhosa, sem me pressionar para relatar tudo, nem suspeitar de que já não gosto dela.


Que quando preciso ficar um pouco quieto ela não insista o tempo todo para que eu fale ou a escute, como se silêncio fosse sinal de falta de amor.(…)


Que com ela eu também possa ter momentos de fraqueza e de ternura, me desarmar, me desnudar de alma, sem medo de ser criticado ou censurado: que ela seja minha parceira, não minha dependente nem meu juiz.


Que cuide um pouco de mim como minha mulher, mas não como se eu fosse uma criança tola e ela a mãe onipotente; que não me transforme em filho.


Que mesmo com o tempo, os trabalhos, os sofrimentos e o peso do cotidiano, ela não perca o jeito terno e divertido que tanto me encantou quando a vi pela primeira vez.(…)


E que se erro, falho, esqueço, me distancio, me fecho demais, ou a machuco consciente ou inconscientemente, ela saiba me chamar de volta com aquela ternura que só nela eu descobri, e desejei que não se perdesse nunca, mas me contagiasse e me tornasse mais feliz, menos solitário, e muito mais humano.


ps2.: Senhor tu sabes o quanto desejo ser uma mulher segundo os seus padrões, por isso eu não me canso de pedir vem e faz.

4 comentários:

anareis disse...

Estou fazendo uma campanha de doacoes pra montar uma minibiblioteca comunitaria na minha comunidade carente aqui no Rio de Janeiro,preciso da ajuda de todos.Aceito doacoes no Banco do Brasil agencia 3082-1 conta 9.799-3 Que DEUS abencoe todos nos.

Thiago Curan disse...

nossa paty Muito doido isso isso é q todo homem precisa ....que vc seja uma mulher e Deus mesmo o versiculo q eu deixo é aquele que a mulher sabia edifica sua casa mais a tola com as suas proprias maos a destroi"""" agora os homens precisam ler a "canção das mulheres" para serem mais sensiveis as suas necessidades ... grande beijo tenha uma ótima semana!!!!!!!!!!!!!! no amor de Deus T.H.C

Anônimo disse...

Paty, você é encantadora, queria eu ter a chance de te ladear...
você é linda

Elo disse...

anônimo ladea-la não é pra qualquer um...
linda você, seu blog, seus pensamentos...
sorte de quem esta ou estara do seu lado...